Pronampe: Caixa disponibiliza R$ 6,3 bilhões em empréstimos para pequenos negócios

14/07/2021 | FIRJAN

A Caixa Econômica Federal já começou a operar a versão permanente do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). Segundo a instituição, o limite de empréstimo é de R$ 150 mil por empresa, somadas as operações já contratadas. Os recursos podem ser utilizados para investimentos e capital de giro isolado ou associado ao investimento.

Além disso, é possível contratar empréstimos para realizar reformas, compra de máquinas e equipamentos e para despesas operacionais, como pagamento de salário, compra de matérias-primas e mercadorias.

Como pedir empréstimo pelo Pronampe?

Para contratar o financiamento pela Caixa, o empreendedor deve ir pessoalmente a uma agência do banco e entregar a comunicação da Receita Federal recebida em 2021, onde constam dados de faturamento de 2019 e 2020 da empresa, além de um código para avaliação junto às instituições financeiras participantes do Pronampe.

Esse documento é necessário para validação das informações obrigatórias de enquadramento no programa.

A linha Pronampe do banco estatal é destinada a microempresas com receita bruta de até R$ 360 mil e empresas de pequeno porte com faturamento máximo de R$ 4,8 milhões, no ano de 2020.

O prazo total da operação é de 48 meses, sendo 11 de carência e pagamento em 37 parcelas. A taxa de juros é igual à taxa básica de juros (Selic) + 6% ao ano.

Núcleo de Acesso ao Crédito da Firjan

A Firjan mantém atualizada a Cartilha de Orientação de Acesso ao Crédito, elaborada com o intuito de prover ao empresariado fluminense informações qualificadas acerca das linhas de crédito disponíveis.

Em caso de dúvidas, as empresas associadas e os sindicatos filiados podem entrar em contato com o Núcleo de Acesso ao Crédito da Firjan (NAC) através do e-mail nac@firjan.com.br.

Leia na íntegra.

chevron_leftvoltar